Novela A Escrava Isaura: Resumo do capítulo de hoje, quarta-feira, 15 de julho

Resumo da novela Eta Mundo Bom – Foto: Reprodução/Divulgação/Record TV

Confira o resumo do próximo capítulo de A Escrava Isaura, novela da Record TV, que vai ao ar hoje, quarta-feira, dia 15/07/2020:

O Sargento lê a carta em que Helena confessa que matou o Dr. Paulo. Joaquina chora pela morte de Leôncio. Rosa e Joaquina acham que Belchior sabe quem matou Leôncio. André e João levam o corpo de Leôncio para a charrete. Isaura fica triste com a sua prisão. O Sargento recebe a ordem de prisão para Helena e outra para Isaura. O juiz manda soltar Diogo. Aurora consola Helena. O Sargento não cede aos apelos de Álvaro e manda levar Isaura para cela.

Resumo dos próximos capítulos da Novela “A Escrava Isaura”, da Record TV

No capítulo 200, quinta-feira, 16 de julho – Álvaro faz companhia a Isaura, na cadeia. Helena despede-se de Diogo antes de ser presa. Álvaro e Isaura pensam nos suspeitos. Belchior vai a pedido de Malvina perguntar a Álvaro se pode enterrar Leôncio na fazenda. Sebastião quer que o enterro seja breve. André e João negam-se a ir ao enterro. Leôncio é sepultado. Branca fica feliz com a prisão de Isaura. Helena presta depoimento. Helena encontra Isaura na cela. Francisco ameaça vingar a morte de Leôncio.

No capítulo 201, sexta-feira, 17 de julho – Rosa cobra a carta de alforria a Sebastião. Isaura e Helena conversam. Aurora conta a Sebastião que Helena foi presa. Malvina desconfia que Sebastião matou Leôncio. Gabriel com a ajuda de Perpétua consegue mexer a perna. Pedrinho conta a Perpétua e Gabriel sobre a morte de Leôncio e a prisão de Isaura. Rosa diz que desconfia de Belchior. João e Joaquina colocam Rosa contra a parede. Gioconda declara a sua desconfiança em Tomásia.

Sebastião diz que Malvina também é suspeita. Belchior diz que não vai esquecer a cara que Leôncio fez quando levou as facadas, o que aumentam as suspeitas sobre ele. Rosa e André desconfiam um do outro. Álvaro pensa com tristeza em Isaura. Geraldo sugere a Isaura que assuma o crime, mas ela nega-se a mentir. Sebastião tem um pesadelo com Leôncio. Isaura e Helena ficam desconfiadas com a sugestão de Geraldo.

No capítulo 202, segunda-feira, 20 de julho – Álvaro decide investigar o assassinato de Leôncio. Tomásia e Miguel também tentam investigar, para salvar Isaura. Álvaro desconfia de Geraldo e Malvina. Isaura tem pesadelos com Leôncio. Aurora cobiça Henrique. Bernardo e Moleca chegam ao quilombo. Rosa continua desconfianda de Belchior. Francisco ameaça Belchior.

Gabriel comemora os seus movimentos com as pernas. Sebastião vai a casa de Gioconda acertar os detalhes do seu casamento. Geraldo avisa Helena que o seu julgamento foi marcado. André aponta uma arma a Francisco e expulsa-o da fazenda. Gioconda avisa Sebastião de que ele é suspeito. Álvaro presta depoimento e visita Isaura.

No capítulo 203, terça-feira, 21 de julho – Álvaro tenta fazer Isaura lembrar-se de alguma coisa referente à morte de Leôncio. O Sargento diz que Tomásia é uma forte suspeita. Malvina lamenta a morte de Leôncio. Para mudar de assunto, Henrique conta a Malvina que Aurora aceitou o seu pedido de casamento. Miguel fica indignado com a acusação do Sargento. Álvaro desfaz a idéia de que André seja o assassino, pois ele esteve ao seu lado todo o tempo. Cel. Sebastião vai depor na Delegacia.

Gioconda olha as mãos de Perpétua e Gabriel entrelaçadas. Fica surpresa e sai da sala. Moleca decide criar Basílio como seu filho. Bernardo concorda e promete-lhe encontrar a sua mãe que um dia foi levada do quilombo. Tomásia pressiona Belchior para que ele conte tudo sobre o que viu no dia da morte de Leôncio. André sai para falar com o Sargento.

No capítulo 204, quarta-feira, 22 de julho – Cel. Sebastião diz ao Sargento que ouviu gritos e logo depois viu Belchior sair a correr em direção à mata. O Sargento acredita que o Coronel esconde ainda algo sobre os acontecimentos. Tomásia e Miguel desconfiam de Belchior. Rosa e André também. Após o seu depoimento, o Cel. Sebastião tenta acalmar Helena para o julgamento. Malvina é interrogada e diz que tem um álibe: Geraldo. Conta que o rapaz esteve ao seu lado todo o tempo.

Malvina depõe e logo depois sai para ver Helena. Henrique começa a depor. O Sargento diz-lhe que também é um suspeito, visto que também desejava a morte do senhor Leôncio. Malvina acusa Isaura alegando que quando uma mulher perde a cabeça é capaz de fazer qualquer coisa. E alerta-a que se uma delas tiver de ser condenada que seja Isaura e não ela.

No capítulo 205, quinta-feira, 23 de julho – Isaura lamenta para Malvina que provavelmente ela será condenada, mesmo sendo inocente. Flor de Lis aparece na delegacia para ver o sargento. Ao ver Henrique, pede para seu amado que o prenda. Malvina se acalma e pede desculpas para Isaura, dizendo-lhe que ela realmente não é culpada. Tomásia e Miguel vão ao local do crime tentar descobrir alguma pista. Álvaro suspeita que Malvina seja a culpada. Bernardo decide levar os quilombolas para o garimpo como forma de assegurar seu terreno de trabalho e renda. João e Joaquina pressionam Belchior, que se irrita com uma raiva monstruosa. João começa a suspeitar dele. André e Rosa são interrogados pelo comandante Santana. Rosa se contradiz diante do sargento e do comandante.

Miguel suspeita que Belchior possa estar sendo ameaçado pelo assassino. Cel. Sebastião sai para falar com Serafina sobre seu depoimento a favor de Helena. Geraldo questiona Malvina sobre a morte de Leôncio. Malvina nega ser culpada. Branca sente dores na barriga. Estela quer chamar Diogo, mas Branca não deixa. Rosa não quer saber de Isaura. Ela acredita que sua carta de alforria não existirá mais. Gabriel confessa a sua mãe que possui um verdadeiro afeto por Perpétua e que é correspondido por ela também. Gioconda é contra o amor dos dois. Álvaro e André conversam sobre o assassinato. Álvaro desconfia de André, pois, na verdade, eles não estiveram sempre juntos.

No capítulo 206, sexta-feira, 24 de julho – Álvaro tenta acreditar na inocência de André. Diogo não consegue falar com uma das vítimas do Dr. Paulo para testemunhar a favor de Helena. Cel. Sebastião encontra Serafina e Margarida na rua. Não resiste e lhes implora os testemunhos contra o Dr. Paulo. Álvaro avisa Isaura que ele e Geraldo irão começar a ler os depoimentos dos suspeitos para tentar descobrir o verdadeiro assassino de Leôncio.

Rosa fala para o sargento que Belchior não quer depor. Henrique encontra Geraldo beijando Malvina e não os reprovam. Tomásia acha uma garrafa de rum e um fio de cabelo branco na casa abandonada. Martinho e Francisco observam Miguel e Tomásia de longe. O sargento sai atrás de Belchior. Bernardo anuncia aos quilombolas que o garimpo pertence a eles também. A polícia chega na fazenda. Belchior se desespera. Gioconda pede à Tomásia que retire Álvaro e Perpétua de sua casa. Pedrinho conta para Álvaro o ocorrido sobre Perpétua. Helena teme ser morta. Isaura a consola. Belchior conversa com o comandante.

As informações sobre o resumo dos capítulos de A Escrava Isaura são fornecidos pela Record TV; sujeitos a alteração sem prévio aviso

Com informações de Rede Notícia. Fonte: Record TV.