Brasil goleia a Coreia do Sul em amistoso de preparação para a Copa do Mundo

Brasil x Coreia do Sul – Amistoso da Seleção Brasileira no Seoul World Cup, em Seul – Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Em amistoso de preparação para a Copa do Mundo FIFA Qatar 2022, a Seleção Brasileira goleou a Coreia do Sul por 5 a 1, na manhã desta quinta-feira (2), no Seoul World Cup Stadium. Dando sequência aos compromissos de junho, a Canarinho volta a campo na próxima segunda-feira para encarar o Japão.

O jogo

A Seleção Brasileira começou o jogo em alta intensidade, pressionando tanto no ataque, quanto na defesa e não demorou para abrir a contagem no marcador. Antes da rede balançar oficialmente, Thiago Silva teve gol anulado por impedimento e Paquetá parou em boa defesa do goleiro coreano.

Mas, aos sete, em jogada bem trabalhada no setor ofensivo, Richarlison transformou o domínio brazuca em vantagem no placar. O lance teve início do lado direito com Raphinha, que fez a inversão para Paquetá, o camisa 7 deixou para Neymar, que achou Alex Sandro, o lateral invadiu a área e tocou para o meio, Fred bateu de primeira e, enfim, Richarlison completou para o fundo da meta.

No embalo do gol, o Brasil teve chances para ampliar ainda antes dos dez minutos. Depois de roubada de bola de Paquetá, Neymar tocou para Raphinha, que mandou por cima da trave. Na sequência, Fred arriscou da entrada da área e também mandou para fora. Do outro lado do campo, Weverton salvou a Seleção nas finalizações de Hwang e Son. Mas, aos 30 minutos, Hwang Ui-Jo recebeu bom passe na área e deixou tudo igual para a Coreia.

Querendo retomar a vantagem, a Canarinho voltou a pressionar no ataque. Na marca dos 37, Richarlison e Daniel Alves pararam em boas defesas do goleiro Kim. Durante o lance, Alex Sandro sofreu falta na área e com auxílio do VAR o árbitro marcou pênalti. Com a bola marca da cal, Neymar bateu com extrema categoria sem chances para o arqueiro coreano, aos 41: 2 a 1. Minutos antes do intervalo, Thiago Silva novamente pelo alto quase fez o terceiro, mas acertou o poste e na sobra Casemiro errou o alvo.

No segundo tempo, a Seleção Brasileira manteve o ritmo e voltou a acumular chances. Paquetá, aos sete, recebeu passe açucarado de Neymar e viu Kim salvar mais uma. Três minutos depois, Alex Sandro sofreu novo pênalti e novamente Neymar bateu com segurança para fazer 3 a 1. Tentando uma resposta rápida, a Coreia assustou com Hwang In-Beom, mas Weverton fez grande defesa para o Brasil.

Insistindo no ataque, o time brazuca chegou com perigo em finalizações de Raphinha, Richarlison e Vini Jr. Mas foi com Philippe Coutinho que a Canarinho anotou mais um. Aos 34 minutos, o camisa 11 aproveitou uma sobra dentro da área e acertou o ângulo da meta adversária.

De novo buscando responder com rapidez, os coreanos assustaram com Hwang Hee-Chan e Son, só que mais uma vez Weverton brilhou debaixo do poste. Sem tirar o pé do acelerador, a Seleção continuou pressionando. Matheus Cunha, aos 40, parou em Kim. E, nos acréscimos, Gabriel Jesus fez bela jogada individual e bateu bonito para fechar a conta em Seul: 5 a 1.

Brasil: Weverton, Dani Alves, Thiago Silva, Marquinhos, Alex Sandro; Casemiro (Fabinho), Fred (Bruno Guimarães), Neymar Jr (Philippe Coutinho); Raphinha (Gabriel Jesus), Lucas Paquetá (Matheus Cunha) e Richarlison (Vini Jr). Técnico: Tite

Por CBF