DF terá três novos hospitais de campanha, com 300 leitos de UTI

Renato Alves/Agência Brasília

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, informou hoje (25) por meio de sua conta no Twitter, que assinou a ordem de serviço para a construção de três novos hospitais de campanha, de forma a criar 300 novos leitos de unidades de terapia intensiva, destinados ao atendimento de pacientes com covid-19.

“As empresas vencedoras têm agora, por contrato, um prazo de 20 dias para a entrega”, informou o governador. “Os Hospitais ficarão montados por 180 dias e, com certeza, vão desafogar a rede hospitalar do DF que está sobrecarregada em virtude da disseminação do vírus pela cidade”, acrescentou.

Ibaneis lembrou que o processo foi conduzido pela Companhia Urbanizadora da Nova Capital “dentro da maior lisura e transparência”, de forma a obter “preços competitivos” ofertados por empresas com “experiência na montagem de hospitais de campanha em outros estados”.

No início desta semana, o Governo do Distrito Federal informou que selecionará servidores públicos aposentados e militares inativos para que atuem nas frentes de combate à pandemia. A ideia é preencher 250 vagas, sendo 30 para médicos clínicos, 20 para nefrologistas, 20 para intensivistas, 30 para fisioterapeutas, 50 para enfermeiros e 100 para técnicos em enfermagem.

Por Agência Brasil